Case de sistemas de videomonitoramento privado UPF

A Universidade de Passo Fundo(UPF) tem uma estrutura física de aproximadamente 100 hectares, aberta ao público

. As atividades exercidas no Campus são das mais diversas, como atividades acadêmicas, prestação de serviços técnicos, laboratoriais, comunitários e sociais, atividades de extensão, hospital veterinário, dentre outros. Assim, são vários públicos que aqui frequentam: alunos, professores, funcionários, clientes, visitantes e comunidade em geral, seja para alguma atividade em específico ou até mesmo para lazer e utilização das áreas verdes.

Visando oferecer maior segurança para o público a universidade buscou ampliar o serviço de videomonitoramento, assim buscando uma empresa capaz de atender esta demanda, por ser uma solução robusta e tecnológica, foram avaliados potenciais parceiros que atendessem critérios técnicos e econômicos, priorizando o pleno atendimento de todas as necessidades e objetivos da UPF com o projeto.

 o sistema de monitoramento auxilia a operação primordialmente na prevenção e inibição de atividades “ilícitas”, em conjunto com a inteligência humana. As rondas programadas e não programadas feitas pelo operador permitem a rápida identificação de atividades suspeitas, comunicadas ao agente de campo que efetua o imediato deslocamento até o local do ocorrido, permitem a atuação rápida na inibição e prevenção de ações

Também são de extrema utilidade as imagens capturadas e armazenadas nos servidores, que com auxílio do software de gerenciamento, é possível realizar buscas de gravações de fatos acontecidos. Acesse o case completo